Operador de Estação de Tratamento de Efluentes

A Agência do Trabalhador de Paranavaí está com vagas disponíveis para Operador de Estação de Tratamento de Efluentes.

Operador de Estação de Tratamento de Efluentes.jpg

Os profissionais interessados nesta vaga devem conter:

  • Curso Técnico Completo em Meio Ambiente;
  • Carteira de Habilitação Categoria B;
  • Disponibilidade para trabalhar Tarde/Noite.

O trabalhador que se enquadrar nestes requisitos deve comparecer na Agência do Trabalhador, com documentos pessoais em mãos, juntamente com sua Carteira de Trabalho para verificar o perfil desta oferta.

Anúncios

Inscrições para o ENCCEJA vão até 18 de agosto

Começam nesta segunda-feira, dia 7 de agosto, e vão até dia 18, as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). O edital está disponível na página do Inep (http://www.inep.gov.br) e as inscrições do exame – que certificará tanto para o ensino fundamental quanto o médio – são gratuitas.

Encceja

O que é? – O Encceja (Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos) existe desde 2002 e é aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

Até 2009, o Encceja certificava a conclusão dos estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio. De 2010 em diante, o ENEM passou a certificar os estudantes no Ensino Médio, mas, segundo o ministério da Edicação, o ENEM é uma prova muito elaborada para quem deseja apenas a sua certificação do Ensino Médio, pois tem como foco os estudantes que já concluíram o Médio e pretendem ingressar na Universidade.

“O principal motivo de mudança é que o Enem, na sua estrutura original, não é um exame para certificação de ensino médio. O Encceja é muito mais preparado para essa certificação. Outro fator para mudança são as taxas de aprovação: menos de 10% dos alunos conseguiam a certificação, o que nos obrigou a retomar o Encceja”, afirmou a presidente do Inep, Maria Inês Fini. Segundo levantamento, 7,7% dos candidatos do Enem tiveram nota mínima para pegar o diploma.

Orientações – Para efetuar a Inscrição para o Encceja 2017, o interessado deverá informar o número do seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) e o número do seu Documento de Identidade. No caso de pessoas privadas de liberdade e jovens sob medidas socioeducativas, o Responsável Pedagógico deverá informar, no ato da Inscrição para o Encceja 2017, o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF), do Documento de Identidade ou do Número de Identificação Interna do interessado.

Para participar do Encceja, é preciso idade mínima de 15 anos – completos até o dia da prova (para a certificação no ensino fundamental) e de 18 anos (para a certificação no ensino médio).

Os candidatos se submeterão a provas objetivas em quatro áreas de conhecimento, cada uma com 30 questões de múltipla escolha e uma prova de redação. Para ser aprovado, o estudante deve atingir no mínimo 100 pontos (de 60 a 180), além de 5 pontos na redação (que vai de 0 a 10).

As provas serão aplicadas em 8 de outubro e a estimativa é de 222.180 participantes no ensino fundamental e de 815.731 candidatos de nível médio. Serão 564 municípios participantes, entre eles Paranavaí.

Os cadernos de estudo podem ser acessados pelo site do Inep pelo seguinte link: http://portal.inep.gov.br/web/guest/encceja

 

Agência do Trabalhador já fez quase 20 mil atendimentos este ano

A Agência do Trabalhador apresentou esta semana um relatório com o balanço dos primeiros sete meses de atendimento. Até o dia 31 de julho, a Agência atendeu 19.657 trabalhadores em busca de uma vaga de emprego ou dando entrada aos pedidos de seguro-desemprego. No mesmo período, mais de 4 mil trabalhadores foram encaminhados para entrevistas em empresas da cidade.

Atendimento Ag

“No nosso trabalho de captação de vagas junto às empresas, conseguimos abrir quase 700 oportunidades nestes primeiros sete meses, uma média de 100 vagas por mês. Em média, de 3 a 5 trabalhadores são encaminhados para entrevistas para cada vaga aberta. E todo este trabalho é gratuito, tanto para a empresa quanto para o trabalhador”, explica a gerente da Agência do Trabalhador, Nadiele Rocha Pereira.

A Agência conta hoje com uma equipe de sete pessoas, entre pessoal efetivo e estagiários. O prédio tem um espaço exclusivo para que as empresas possam realizar entrevistas com os candidatos a uma vaga de emprego, uma sala de treinamentos equipada com data show e ar condicionado, e ainda a Sala do Empreendedor, que presta consultorias a atendimentos diversos aos MEIs (Microempreendedores Individuais).

“Já estamos nos planejando e buscando um espaço ainda mais amplo e adequado para atender melhor os trabalhadores e as empresas. Também estamos estudando uma ampliação na equipe de atendimento”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Carlos Emanuel Rodrigues.

Atendimento Agência

Exigência por experiência – Muitas vezes os trabalhadores questionam sobre a exigência de experiência profissional para a maioria das vagas ofertadas. “Primeiro, é necessário entender que a Agência do Trabalhador faz apenas a intermediação entre a empresa e o trabalhador que está em busca de uma vaga de emprego. Nós não abrimos vagas, apenas administramos as vagas que as empresas nos repassam. E a empresa tem o direito de definir quais os requisitos para a contratação e que características procura nos candidatos à vaga”, explica Nadiele.

Na avaliação da gerente da Agência, a realidade é que, em tempos de crise, as empresas ficam mais exigentes na hora de contratar. “Há dois anos atrás, a realidade era outra. A situação econômica era boa, as empresas tinham muitas vagas abertas e pouca mão-de-obra especializada. Então as pessoas sem experiência eram contratadas facilmente, pois quase não havia concorrência. Hoje, o cenário é totalmente diferente. Tem mão-de-obra sobrando e as empresas têm poucas vagas para serem preenchidas. E na maioria das vezes essas vagas são bem específicas, com um tipo de formação exclusiva e com exigência de uma boa experiência para ocupar a vaga”, pondera.

Para tentar ajudar um pouco quem está desempregado, a Agência do Trabalhador conversa com a empresa antes de abrir a vaga e tenta flexibilizar as exigências. “Se a empresa nos pede trabalhadores com três anos de experiência, nós tentamos conversar e diminuir esta exigência para um ano, por exemplo. Assim, nós conseguimos ampliar um pouco as chances de quem está em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho. A partir dos requisitos que a empresa nos apresenta, nós fazemos então uma filtragem técnica e encaminhamos os trabalhadores com aquele perfil para as entrevistas”, frisa Nadiele.

Vendedor Auxiliar

A Agência do Trabalhador de Paranavaí está com vagas disponíveis para Vendedor Auxiliar.

Oportunidade de Emprego

Os profissionais interessados nesta vaga devem conter:

  • 06 meses de experiência em vendas comprovado em CTPS;
  • Carteira de Habilitação Categoria C ou D;
  • Disponibilidade de horários;

O trabalhador que se enquadrar nestes requisitos deve comparecer na Agência do Trabalhador, com documentos pessoais em mãos, juntamente com sua Carteira de Trabalho para verificar o perfil desta oferta.

Operador de Caldeira

A Agência do Trabalhador de Paranavaí está com vagas disponíveis para Operador de Caldeira.

Oportunidade de Emprego

Os profissionais interessados nesta vaga devem conter experiência na função comprovada em CTPS.

O trabalhador que se enquadrar nestes requisitos deve comparecer na Agência do Trabalhador, com documentos pessoais em mãos, juntamente com sua Carteira de Trabalho para verificar o perfil desta oferta.

Agência do Trabalhador inicia esta Quinta-feira com 60 vagas de emprego

A Agência do Trabalhador de Paranavaí começou esta Quinta-feira com 60 vagas de emprego disponíveis.

Capa Agência do Trabalhador

Os números de oportunidades são para os cargos em diversas áreas:

Auxiliar Administrativo 1
Auxiliar de Produção (temporário) 18
Costureira Geral 2
Cozinheiro 1
Cozinheiro(a) 1
Doméstica 1
Eletricista de Máquinas Pesadas 1
Encarregado de Distribuição e Operações 1
Farmacêutico 2
Gerente de Autopeças 1
Laboratorista 1
Operador de Caldeira 1
Operador de Empilhadeira 1
Operador de Empilhadeira (Temporário) 1
Operador de Produção (temporário) 20
Operador de Refrigeração 1
Pasteleiro 1
Pizzaiolo 1
Supervisor Comercial 1
Técnico de Atividades Culturais 1
Torneiro Mecânico 1
Vendedor Auxiliar 1

O trabalhador que se interessar em alguma destas vagas deve comparecer na Agência do Trabalhador, com documentos pessoais em mãos, juntamente com sua Carteira de Trabalho para verificar o perfil desta oferta.

Oportunidade de Emprego

A Agência do Trabalhador de Paranavaí está com vagas disponíveis para Operador de Empilhadeira (Temporária).

Operador de Empilhadeira

Os profissionais interessados nesta vaga devem conter:

  • 06 meses de experiência Comprovada ou Declarada na função
  • Ensino Médio completo comprovado – será Obrigatório no momento da entrevista apresentação do comprovante de conclusão.
  • Disponibilidade de horário.
  • Curso de Empilhadeira Completo
  • Carteira de Habilitação (B)

O trabalhador que se enquadrar nestes requisitos deve comparecer na Agência do Trabalhador, com documentos pessoais em mãos, juntamente com sua Carteira de Trabalho para verificar o perfil desta oferta.